domingo, 21 de dezembro de 2008

O Ultimo Post do Ano



O Ultimo Post Do Ano


A Meus Amigos

Diferente dos anos anteriores não mandarei mensagem de fim de ano a ninguém. Falta de tempo e de coisas a dizer.
Esse ano aprendi a conhecer melhor as pessoas. A saber quando devo cultivar amizades e ir atrás, e quando eu tenho que deixá-las ir.
Para  meus amigos, todos que eu consegui ver esse ano e para aqueles que eu não tive essa sorte, deixo minha vontade de dias melhores e mais unidos. Desejos a todos eles um próximo ano com mais felicidade. Dias mais fáceis de se viver. Com momentos mais bobos de pura alegria cotidiana.
Para esses que eu nunca vou deixar saírem da minha vida enquanto eu puder evitar, fazendo sacrifícios, acordando de madrugada, não indo dormir, andando quilômetros, gastando a grana que tiver, entrando em “frias” impossíveis de evitar. Esses vão ter um ano todo para minhas palavras.
Para aqueles que eu deixei ir. Espero que eles voltem um dia. Mas antes acredito que eles tenham que evoluir de muitas formas (de cada caso a  cada caso), espero que eles se encontrem. Que dêem valor ao que realmente importa. Podem ir, espero que encontrem tudo que procuram, e espero que voltem.

Sobretudo, espero que eu ainda esteja aqui pra vocês quando voltarem,  ou que um dia eu os encontre caso os procure.

Bom fim de ano a todos que por aqui passarem, ou que sempre estão em meus pensamentos.


Para Mim mesmo

Bom quase que nem escrevo isso aqui esse ano e quebro a tradição! Hehe
A essa hora era para eu já estar na praia com alguns dos meus amigos vivendo momento memoráveis. Mas como eu aprendi esse ano, as coisas nunca acontecessem como a gente planeja.

Um ano longo, e curto ao mesmo tempo. Difícil como os outros, porém diferente em muitos aspectos. Foi um ano de aprendizado, de conhecer pessoas que mudaram meus dias (para o melhor e para o pior). Foi um ano de reencontro e de fechamento de ciclos.

Tentando lembrar cada momento importante, ele se alonga como se tivessem sido 24 meses, e estranhamente ao olhar para trás notamos que ele se foi rápido, muito rápido.

2008 com certeza muito marcante. Muitas tristezas, coisas irreversíveis. Pessoas que vão deixar saudade.

Diferente dos anos anteriores talvez,  apesar de tudo, vou chegar no ano que vem com esperança de dias melhores. Com certezas de momentos felizes e vitórias.


Até o ano que vem.